Clique Aqui e veja mais imagens BEM VINDO AO OLHAKIONLINE -UM ANO DE 2016 DE MUITA PAZ. Nosso ibope é assim, Obrigado por acessar Clique Aqui e veja mais imagens

SUPER MINI PROJETOR PROJETA ATE 100 POLEGADAS

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Bahia lidera assassinato a homossexuais

A Bahia lidera, pelo segundo ano consecutivo, a lista de assassinatos de gays, travestis e lésbicas no Brasil. O Relatório Anual de Assassinato de Homossexuais, divulgado nesta segunda-feira (4) pelo Grupo Gay da Bahia (GGB), mostra que 260 homossexuais no Brasil foram mortos ano passado, 62 a mais do que em 2009. Entre eles, 140 eram gays, 110 travestis e 10 lésbicas. No estado, houve 29 homicídios, seguido de Alagoas, com 24, Rio de Janeiro e São Paulo, com 23 cada, e Rio Grande do Norte e Roraima registraram um cada. Maceió, com menos de um milhão de habitantes, é a capital onde mais gays são assassinados. Foram nove homicídios, contra oito em Salvador (com três milhões de habitantes), sete no Rio de Janeiro (com 6 milhões de pessoas), e três em São Paulo (com 10 milhões de habitantes). Ainda segundo os dados, nos últimos cinco anos houve um aumento de 113% nos casos. "Há três soluções contra os crimes homofóbicos. Ensinar à população a respeitar os direitos humanos dos homossexuais através de leis afirmativas da cidadania LGBT, exigir que a Polícia e Justiça punam com toda severidade a homofobia e, sobretudo, que os próprios gays e travestis evitem situações de risco, não levando desconhecidos para casa, evitando transar com marginais", afirma o presidente do GGB, Marcelo Cerqueira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário